PROBLEMAS COM BANCOS E INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS

Conseguimos obter indenizações sem audiência ou qualquer ato que demande a presença dos consumidores.


PROBLEMAS COM BANCOS E INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS



1) Negativação indevida
O nome sujo, como é popularmente conhecido, desde que inserido irregularmente nos órgãos de proteção ao crédito, como o SERASA ou SPC, é uma das situações em que o consumidor possui o direito pleno à indenização por danos morais da entidade que enviou a informação indevidamente.

2) Recuperação de ativos financeiros
Os consumidores têm sido muito prejudicados com a falência de algumas instituições financeiras, com a compra de umas por outras ou por simplesmente a mudança na gerência de fundos nos quais este consumidor aplica. É possível obter indenizações materiais e morais por conta de defeitos na prestação deste tipo de serviço.

3) Planos econômicos
Infelizmente, o prazo para solicitar a devolução dos expurgos inflacionários realizados pelos bancos na ocasião dos Planos Bresser e Verão está prescrita.

4) Renegociação de dívidas
Saiba como diminuir a sua dívida, submetendo suas condições e boletos à análise de um advogado. Há regras para imposição de atualização monetária e juros, bem como há hipóteses de prescrição da dívida que podem ser aplicadas em seu benefício.

5) Clonagem de Cartão
Saiba o que fazer caso o seu cartão de crédito ou débito for clonado. Entenda que você possui o direito a não ser cobrado pelas compras efetuadas por terceiros. A responsabilidade será toda do banco e você deve receber uma indenização.

6) Aberturas de Contas em seu Nome
O banco deve sempre checar a identidade do correntista antes de abertura de conta. Se você foi vítima dessa situação, entre em contato conosco para receber uma ajuda eficiente.

7) Cobranças Indevidas
Conseguimos com rapidez cancelar cobranças indevidas, como boletos bancários, emitidos em seu nome sem que você tenha comprado o produto ou contratado o serviço.

8) Taxas Abusivas
Saiba como reclamar e cancelar ou conseguir o estorno de taxas abusivas que foram cobradas, como taxa de abertura de conta, taxa de emissão de boleto, TAC e TEC em financiamentos.

9) Renegociação de dívidas
Saiba como diminuir a sua dívida, submetendo suas condições e boletos à análise de um advogado. Há regras para imposição de atualização monetária e juros, bem como há hipóteses de prescrição da dívida que podem ser aplicadas em seu benefício.